kj3

Um beijo de quem mais te ama, boa noite.

Comunidade Coffeebreak

Vamos aproveitar o que o amor nos deu

kj3

Um beijo de quem mais te ama, boa noite.

Houve dias em que pensei já não gostar de ti. Tantas vezes cresceu dentro de mim uma vontade enorme de te odiar e dizer a toda a gente o que me passava pela cabeça. Mas não o fiz. Soube que tudo isso era apenas raiva, estupidez minha. E quando voltei a ver-te toda a minha vontade era beijar-te, beijar-te e tirar-te o ar, abraçar-me a ti e esmagar-te, abraçar-me a ti e chorar, chorar e pedir-te desculpa. Desculpa talvez por tudo ou por nada.

O amor tem-me ensinado muita coisa ao longo do tempo, não sei se terá realmente sido o amor, talvez tenhas sido tu… Hoje sinto-me quase como abençoada por certos e determinados momentos. O amor deve ser isto mesmo. Amar deve ser exatamente como eu sinto. Se eu pudesse tirar uma fotografia mental da imagem que tenho sobre o amor, sobre amar, sou eu e tu, deitados, sem abrir a boca, nem precisar de argumentação, uma perna por cima de ti, a minha cabeça no teu peito e as nossas mãos dadas.

Pensar que durará para sempre ou que nunca me vais largar a mão, é parvoíce, eu sei, mas é exatamente assim que penso. E se hoje somos um só, então eu não quero voltar a ser apenas metade. Vamos ser felizes, olhar um para o outro e sentir que daqui a 50 anos ainda estaremos juntos. É só isso que precisamos para ser felizes, dois sorrisos na cara, uma mão cheia de promessas e as outras duas juntas. Estar perto. Perto, deitados na mesma cama, a viver na mesma casa e a viver os sonhos um do outro, quem sabe um dia ter filhos ou sermos uns eternos adolescentes apaixonados.

Vamos ser felizes por instantes… Ou talvez para sempre. Vamos esquecer o que aconteceu antes de nos conhecermos, as pessoas a quem dissemos “amo-te”… Que me ames nos dias em que sou uma diva e nos meus dias de completamente arrasada. Vou-te amar nas conversas infinitas em que tentas mostrar a tua razão e nos dias melhores em que me sorris de manhã à noite. E eu já não sei como não gostar de ti.

Como é que se troca alguém que nos faz bem? Que nos agarra e nos dá a entender que enquanto estiver ali ninguém nos fará mal? Como é que se desapaixona? Não sei e sinceramente nem quero saber, gosto tanto de te amar. Quero guardar-te comigo, estimar-te, amar-te, respeitar-te, porque do dia para a noite as coisas desaparecem.

Faz Play Neste Vídeo


Hoje aprendi que…
O que o amor dá, o amor tira.
Por isso vamos aproveitar o que o amor nos deu.

Um beijo de quem mais te ama, boa noite.

Comentários

Somos a plataforma preferida da Geração-Y para os tópicos mais quentes e mais na moda dos dias de hoje, desde política a relacionamentos e tudo o que se encontra pelo meio.

CoffeeBreak © 2016 - Todo o conteúdo pertence aos seus utilizadores.

To Top

QUERES MAIS HISTÓRIAS COMO ESTA?

O botão mágico abaixo entrega-te as melhores histórias no Facebook.