Se queres ser trouxa, então sê, não existe nenhum monstro de sete cabeças nisso, o único problema é que tu voltas sempre a chorar.

Contos Para Ler

Talvez tu sejas mesmo trouxa

Se queres ser trouxa, então sê, não existe nenhum monstro de sete cabeças nisso, o único problema é que tu voltas sempre a chorar.

Olha para aquilo, lá vai ela, louca, incontrolável, alguém segura essa menina pelo amor de Deus? Já vai pedir desculpas pelo que não fez, mandar mensagem para quem desapareceu, alguém me explica por favor o que essa rapariga tem na cabeça? Caca de galinha, né? Só pode. Eu não estou a acreditar que essa monga acreditou nessa história e perdoou aquele idiota? ALGUÉM FAZ ELA SOFRER, POR FAVOR? A SÉRIO, EU ACHO QUE ELA GOSTA DISSO. Lá vai ela, parece que gosta de levar tapas na cara, e depois chorar, não adianta dar conselhos, deixa ela ir.

Depois ela volta e diz “Nossa, como eu sou trouxa”, pois é minha querida, talvez tu sejas uma trouxa mesmo, mas e daí? Vais dizer-me que a partir de agora vais começar a calcular cada passo que dás? Não, claro que não, isso não faz parte de ti, jogas-te de cabeça e depois choras, nós sabemos que amanhã tu estás de pé de novo. Nós sabemos que essa tua “trouxisse” é temporária, claro que pode durar até aos teus 50 anos, mas é temporária porque uma hora tu vais aprender e se não aprenderes então estampa na testa “Sou trouxa, não nego, choro sempre que der”.

Sinceramente? Se queres ser trouxa, então sê, não existe nenhum monstro de sete cabeças nisso, o único problema é que tu voltas sempre a chorar, mas já todos sabemos que és mulher guerreira, no outro dia, no outro mês, já vais estar de pé de novo. Queres saber? Que se foda, liga mesmo, manda mensagem, vai atrás, perdoa, porque essa aí és tu e não tem santo nenhum que te mude, porque tu insistes, perdoas, ligas, vais atrás, mas quando cansas é para colocar mesmo um fim, sem reticências, só um ponto final.

Talvez tu sejas mesmo trouxa. Mas olha, queres saber? Vai lá, vive à tua maneira, sê tu mesma, às vezes nem é questão de ser trouxa, é questão de dizer “eu quero, eu vou” ou “eu estou a sentir, então vou falar”, e se tu realmente fores a trouxa que dizes ser, cedo ou tarde vais ter que aprender.

(Source: Thais B. Verissimo)

Faz Play Neste Vídeo


Comentários

Somos a plataforma preferida da Geração-Y para os tópicos mais quentes e mais na moda dos dias de hoje, desde política a relacionamentos e tudo o que se encontra pelo meio.

CoffeeBreak © 2016 - Todo o conteúdo pertence aos seus utilizadores.

To Top

QUERES MAIS HISTÓRIAS COMO ESTA?

O botão mágico abaixo entrega-te as melhores histórias no Facebook.