Connect with us

Fora Da Rede

As diferenças completamente lógicas entre amar ou perder, ser feliz ou sofrer

Vais ficar sem saber ou vais viver para descobrir?

Published

on

A vida é um poço sem fundo de instabilidades. Num momento temos tudo e no outro rastejamos, implorando para que nos devolvam o que tão cruelmente nos foi arrancado.

É impossível ir dormir com a certeza de que o dia seguinte será ensolarado e cheio de novas oportunidades, porque numa questão de segundos o céu escurece e a chuva faz-te voltar para casa.

Todos já perdemos alguém: um amor, um amigo, um parente. Parece que toda a nossa vida se condensa nesse momento, impedindo-nos de recordar anteriores momentos de felicidade. Quase que acreditamos que não existiram, que toda a nossa vida foi pautada na tristeza e na dor imensa que naquele instante nos domina.

Mas não é verdade. A vida, como tudo, possui os dois lados da moeda: amar ou perder, sorrir ou chorar, viver ou morrer, continuar ou parar, ser feliz ou sofrer. Não nos cabe a nós escolher um lado; que bom seria se assim fosse! Tudo o que podemos fazer é aceitar de bom grado o lado que nos calhar, porque nunca sabemos qual será nem quando se lançará a moeda novamente, pelo que o infortúnio poderá durar para sempre ou por apenas alguns minutos.

Eu não sei. Ninguém sabe. A vida, para além de um poço sem fundo de instabilidades, é uma incerteza constante. É um enorme ponto de interrogação numa página em branco. É uma aventura, um livro por escrever, um mistério por descobrir.

Nem sempre nos apetece velejar nos rios sinuosos da vida; nem sempre queremos ler a página seguinte ou descobrir a resposta para uma questão. Por vezes o melhor é mesmo ignorar, cobrir os olhos e os ouvidos e fingir que não sabemos, que não vimos, que não aconteceu.

A verdade, contudo, é que não podemos fugir da nossa vida nem do nosso destino. Não podemos simplesmente apagar a nossa história e começar de novo; não podemos simplesmente parar e deixar que a vida siga o seu curso sozinha. Porque ela passa, quer nós queiramos quer não, mas é da nossa inteira responsabilidade se ela viaja por bons portos ou se se deixa naufragar.

Hoje ganhaste, amanhã perderás. Ou não.

Vais ficar sem saber ou vais viver para descobrir?

Comments

Fora Da Rede

Veja como Cristiano Ronaldo “Condenou” Georgina por esta ter um copo de vinho na mão

A verdade é que as imagens mostram m CR7 com olhar crítico… e depois disso Gio nunca mais pegou nesse mesmo copo.

Published

on

As imagens de Georgina com um copo de “vinho” na mão estão a dar que falar pelo mundo.

Os internautas não demoraram a criticar Georgina, mas o primeiro olhar critico veio por parte de Cristiano Ronaldo.

A verdade é que as imagens mostram m CR7 com olhar crítico… e depois disso Gio nunca mais pegou nesse mesmo copo.

Continue Reading

Fora Da Rede

Última hora: Grávida de 19 anos morre a tentar escapar ao incêndio

O comandante Fernando Farreca avançou que haviam duas vítimas encarceradas e «aparentemente em estado grave». Uma dessas vítimas é uma mulher de 19 anos que estava grávida.

Published

on

Este domingo, dia 15, foi um dia negro em Portugal. Os 523 fogos ativos no país neste domingo – hoje (dia 16) 174 permanecem ativos – fizeram várias vítimas, 10 das quais mortais. Na A25, sentido Viseu-Aveiro, o fogo chegou à estrada e na tentativa de fugir do fogo, vários carros circulavam em contramão.

Dois carros acabaram por ter choque frontal, por volta das 20h30, junto à estação de serviço de Vouzela, segundo o Jornal de Notícias.

Uma pessoa morreu nesse mesmo acidente segundo informação confirmada pelo comandante dos Bombeiros de Oliveira de Frades.

O comandante Fernando Farreca avançou que haviam duas vítimas encarceradas e «aparentemente em estado grave». Uma dessas vítimas é uma mulher de 19 anos que estava grávida.

Continue Reading

Fora Da Rede

Tragédia: Conhecido futebolista português morre em acidente

O corpo do jovem foi agora levado para ser autopsiado e, de acordo com as autoridades, as cerimónias fúnebres ainda não têm data marcada.

Published

on

Paulo Pereira morreu num acidente de mota. O jogador e GNR tinha 34 anos e trabalhava em Lisboa. Natural de Torres Novas, Paulo era muito conhecido na região pela sua carreira como futebolista. Acabou por não resistir aos ferimentos de um trágico acidente de viação e faleceu no local.

O jovem deixou mulher e um filho, menor de idade, ele que era muito querido na região de Santarém.

Paulo Pereira como jogador representou o Monsanto, o Meiaviense e o Atalaiense, dos campeonatos da Associação de Futebol de Santarém, e nesta época preparava-se para representar o Atlético Riachense.

O corpo do jovem foi agora levado para ser autopsiado e, de acordo com as autoridades, as cerimónias fúnebres ainda não têm data marcada.

Continue Reading

Publicidade

Publicidade

Mais Populares