Connect with us

Podes saber muito sobre uma mulher pela sua escolha de bebida.

Tens as que bebem cervejas num canto, juntas perto do barril, gritando “Viva Portugal!” e falando sobre a universidade. Depois tens as que bebem vinho, girando os seus copos, mais provavelmente a julgarem todo o mundo ao seu redor.

Tens as que bebem vodka, bebendo shots de qualquer variedade que seja mais barata e as que bebem gin, discutindo sobre qual filme do Brad Pitt mais gostam. Depois, claro está, as menos favoritas de todos: as que bebem whiskey.

Deixem-me dizer-vos: essas são as melhores. Claro, whiskey pode ser uma das bebidas mais masculinas no bar, mas isso não significa que esteja fora dos limites para as mulheres. Na verdade, de um modo geral, eu acho que as mulheres que gostam de whiskey são as mais desejáveis.

Aqui estão 10 razões para namorares com uma mulher que adora whiskey.

1. Ela conhece os seus limites.

Uma mulher que for daquelas que faz enormes caretas depois de beber um shot de tequila, as probabilidades são que ela esteja completamente bêbada depois de um copo ou dois de vinho durante o jantar. Isso não tem piada nenhuma.

A não ser que estejas a tentar convencê-la a irem para tua casa depois do jantar, tu vais definitivamente querer uma mulher que conheça os seus limites, especialmente quando a queres levar a sair.

Mas se ela for uma apreciadora de whiskey, provavelmente não precisas de te preocupar.


2. Ela é forte.

Pedir whiskey mostra confiança — e a confiança pode ser um óptimo indicador de uma personalidade forte.

Se ela pede whiskey atrás de whiskey, podes assumir que ela está claramente confortável com ela própria, sabe bem o que quer e não tem problema em fazer as coisas acontecerem — independentemente de tudo o que os outros no bar possam pensar.


3. Ela não deixa nada por fazer.

Se os seus hábitos de consumo são um reflexo do resto dos seus hábitos, ela não gosta de deixar nada por fazer.

Ela vê o fim de semana como o seu tempo para soltar o cabelo, e embora por vezes isso resulte em que uma das suas amigas tenha que lhe segurar o cabelo, pelo menos ela não passou a noite amuada perto do bar à procura de uma desculpa para ir para casa.


4. Ela é provocante.

Existem algumas bebidas que são apenas… nada sexys. Além de ir ao bar pedir uma água com gás, nada é menos sexy do que ver uma rapariga a salientar a sua bebida no bar apenas para sucumbir ao desejo de pedir algo aborrecido, como Red Bull ou cerveja.

Existe algo muito sexy em ver uma mulher a beber shots de whiskey com um propósito.


5. Ela é, provavelmente, uma pensadora profunda.

Por qualquer razão, sempre que penso em pessoas que bebem whiskey com alguma regularidade, eu penso sempre que elas também têm uma enorme quantidade de hobbies obscuros e sofisticados.

Uma mulher que beba whiskey não é diferente; se ela tiver um boa quantidade de garrafas de William Lawson em cima do frigorífico, ela provavelmente estará também a planear escrever uma saga das “50 Sombras de Grey”.


6. Ela é madura.

Whiskey é uma escolha forte e madura.

Vamos por as coisas desta forma: eu duvido que uma verdadeira apreciadora de whiskey vá rir até cair ao chão depois de ouvir uma anedota que fale de pénis, e isso é óptimo para quem procure uma companhia mais madura.


7. Ela tem gosto pelas coisas mais finas.

Ela não bebe whiskey apenas porque isso a vai embebedar mais depressa ou porque tem alguma coisa a provar.

Ela genuinamente aprecia álcool no geral, e a proeminência e classe de um bom whiskey despertaram o seu interesse.

Claro, ela pode beber uns quantos shots de um vodka barato, mas ficar simplesmente bêbada está longe de ser o seu único motivo. Ela sabe beber devagar.


8. Ela não tem medo de dizer o que tem para dizer.

Ela é uma pessoa muito sociável? Eh, provavelmente não, e isso é mais ou menos a razão porque ela é uma “pessoa de whiskey” em primeiro lugar. Contudo, ela não deixa que ninguém lhe tente passar por cima.

Ao primeiro sinal de desrespeito, ela está pronta para deixar qualquer um saber — mesmo que se torne um pouco agressiva e acabe por se arrepender disso na manhã seguinte.


9. Ela é emotiva.

Ela está sempre em contacto com as suas emoções – em parte graças ao whiskey – especialmente depois de beber uns quantos a mais e deixar-te saber o que realmente sente.

Este tipo de pessoas parece apático para a maioria da humanidade, mas depois de começares a conhecer pessoas que gostem de um bom copo de whiskey e que partilhem um contigo, vais perceber o quanto apaixonadas conseguem ser.


10. Ela tem um ar de “bad girl”.

Mulheres que bebem whiskey são tipicamente generalizadas como “duronas” e não poderíamos dizer isso sem que fosse verdade a algum nível.

Mas só porque ela não conduz uma mota ou não toca heavy metal não significa que não tenha um lado selvagem nela que tu não conheças. E, julgando pela quantidade de pedras de gelo que coloca no seu whiskey, ela provavelmente tem.

Comments

Ainda Estás Bêbado

8 Razões porque o vinho é muito melhor que qualquer namorado

Vamos desistir dos homens e ceder ao vinho. Quero dizer, parece apenas que há mais motivos para casar com uma boa garrafa de Barefoot ou Naked Grape.

Published

on

É Sexta-Feira à noite e tiveste uma semana infernal.

Estou a falar dos piores clientes, o teu patrão tem sido extraordinariamente duro contigo, não tiveste um único dia de cabelo decente, as tuas sobrancelhas estão longe de estarem perfeitas e descobriste que o homem em quem estavas de olho tem uma namorada.

Em todo o caminho para casa só pensas em quão espectacular será um grande copo de vinho. Enquanto fantasias por trás o guiador, até consegues saborear o êxtase das uvas fermentadas e esmagadas na tua língua.

  1. Ele está sempre lá. O vinho jamais estará indisponível. Mesmo que o teu tipo preferido esteja fora de stock, há sempre um suplente que é relativamente parecido em sabor que vai servir por enquanto.
  2. Não tens de explicar-te ao vinho. O vinho não se importa se mandaste mensagens de conteúdo sexual a 3 homens diferentes em um dia ou mesmo se dois deles eram colegas de trabalho e o outro era o teu patrão. Está tudo bem no bairro com o vinho.
  3. O vinho é tão barato ou tão caro quanto tu queiras que ele seja. Se é dia receber, podes mimar-te com algo um pouco mais luxuoso, mas na maior parte dos dias, contentas-te perfeitamente com uma boa garrafa de 4$ da ArborMist.
  4. O vinho pode ser tão doce, tão seco ou tão amargo quanto tu queiras que ele seja. É a Burger King do álcool, se assim o quiseres.
  5. O vinho jamais te julga. Se a tua bebedeira de vinho te levar a uma taça de mistura de bolo ou uma grande fritadeira, que assim o seja. O vinho não vai ficar ciumento, desde que estejas feliz.
  6. O vinho dá-te coragem. Sabes aquele homem de quem tens estado a falar há meses e ao qual recusas-te a mandar mensagem com o medo da rejeição? Bem, adivinha a quem vais mandar mensagem logo à noite! Está tudo bem, estrela de rock!
  7. O vinho jamais deixa-te. Quando uma garrafa fica vazia, há sempre outra à espera de ser aberta; Outra rolha à espera de ser tirada e um copo à espera de ser cheio com a delicia e depois pressionado aos teus lábios.
  8. O vinho não responde. Está tudo dito.

Vamos desistir dos homens e ceder ao vinho. Quero dizer, parece apenas que há mais motivos para casar com uma boa garrafa de Barefoot ou Naked Grape. Da próxima vez que alguém perguntar pelo “Alto, moreno e bonito” leva-lhes uma garrafa de Casal Garcia.

Continue Reading

Ainda Estás Bêbado

Para a mulher que necessita perpetuamente de um copo de vinho

Vinho para a frente, minha companheira bêbada.

Published

on

Primeiro de tudo, eu percebo-te. O vinho é literalmente o melhor presente dos deuses.

A vida é bahh e o trabalho é uhhh e o álcool é yaaaaaaa. Sabes o que quero dizer? O vinho é especialmente brutal porque é o relaxante derradeiro e sabe mesmo bem.

Por isso em dias quando tudo dói, especialmente os teus olhos porque já os rolaste hoje mais de 50 vezes, precisas de vinho.

Podem ser 10h da manhã, mas o bêbado verdadeiro sabe que o vinho é brutal a qualquer hora e em qualquer lugar. Então, podes esgueirá-lo para o cinema ou pô-lo num copo da Starbucks no caminho para o trabalho. Acontece.

O vinho sabe melhor após um longo dia, sem calças, quando um filme da Netflix que já viste está a passar suavemente em segundo plano. Por isso embora as pessoas não prestem e tenhas de constantemente da fazer barulhos infelizes durante o teu dia – como blahhh ou uhhh acompanhados por longos suspiros dramáticos, sabe apenas que tens vinho à tua espera em casa.

O teu vinho está a refrescar no frigorífico, à tua espera, como um doce namorado que massaja os teus pés depois de um longo dia; porque o vinho, num sentido, massaja os pés da tua alma; e a melhor parte é que não precisas de ouvir o dia dele no final disso.

O vinho é para o introvertido, lamentador interno, que apenas realmente precisa do raio de uma pausa. Por vezes essa “pausa” que precisas pode vir às 10h da manhã, quando vês um gajo bom a tropeçar do quarto das tuas colegas de casa e ele olha-te com um sorriso triste assim que te vê sentada no sofá com um pijama-macacão que ao que parece é a única coisa gira que usas para uma foto de grupo no Instagram – Eu percebo.

Eu percebo que por vezes as pessoas te deem olhares estranhos à medida que bebes durante o dia e ainda assim tu dás zero merdas enquanto pedes um copo de Chardonnay ao lanche mesmo que mais ninguém o faça. Não queres saber do julgamento e isso é impressionante.

Se alguma vez sentires o julgamento tornar-se demasiado para se aguentar, simplesmente finge que pensaste que estavas a beber água, depois olha para o teto e diz “Lá estás tu de novo Jesus!”. Jesus é conhecido por transformar a água em vinho. Por isso não é, NÃO é possivelmente impossível.

O vinho é mais barato do que terapia. Enquanto possa ser tecnicamente mais saudável chamar uma amiga para falar sobre o teu dia, tu preferes bebe-lo. Troca por vezes com um banho ou uma nova máscara facial porque mesmo o mais bebedor profissional de vinho sabe que há um limite.

Não estás sozinha nesta relação com vinho. O vinho tem confortado mulheres jovens lindas desde sempre e mereces o relaxamento. Estamos nisto juntos – ao estilo do Musical do Secundário. O vinho é o Musical e Primavera (como diz a Sra. Darbus) e todos nós o amamos secretamente – então vamos bebê-lo juntos? Está bem, talvez isto seja um uso pobre da metáfora do Musical do Secundário, mas tu entendes.

Por isso vai em frente e diz aos teus amigos que estás ocupada, ou melhor, atira-lhes com uma mensagem a dizer “EMERGÊNCIA DE VINHO. PRECISO DE UM COPO AGORA”. Beber vinho juntos e lamuriarem-se juntos.

Faz um perfil no Tinder e põe na tua biografia “Numa relação séria com o Vinho.” porque não queres saber. Talvez encontres um namorado que tenha uma vinha, porque não é, não é possivelmente impossível possível.

Faz o que quiseres menina. Apenas tenta não mandar mensagens ao teu ex-namorado ou ao teu patrão quando estiveres bêbada, ou ao teu ex-patrão porque nem sequer o teu vinho consegue resolver esse erro.

Vinho para a frente, minha companheira bêbada.

(Este artigo foi escrito por alguém que já bebeu demasiados copos de Chardonnay às 2h da manhã. Sou uma de vocês.)

Texto original de Coffeebreak protegido por copyright. Qualquer reprodução é expressamente proibida, mesmo citando a fonte.

Continue Reading

Ainda Estás Bêbado

14 Razões porque o vinho será o melhor relacionamento que já tiveste

Um bom homem pode fazer sentires-te atraente, forte e capaz de enfrentar o mundo. Oh espera, isso é vinho. O vinho faz isso.

Published

on

Um bom homem pode fazer sentires-te atraente, forte e capaz de enfrentar o mundo. Oh espera, isso é vinho. O vinho faz isso.

Quem precisa de um relacionamento quando tens vinho? Não precisas de te preocupar com as tretas de outra pessoa e está sempre lá para te confortar nas alturas mais difíceis – e nas celebrações mais excitantes. Há sempre tempo para o vinho.

Aqui está o porquê que provavelmente o vinho será o teu amigo mais chegado e a relação mais engraçada de sempre:

1. Porque um copo de vinho pode ser equivalente a uma hora no ginásio. Não, a sério, há ciência por detrás disto.

2. Porque mais é melhor. Quando estás bêbado de vodka ou tequila, vais dizer alguma merda, mas quando estás bêbado de vinho – o que quer que seja que digas, de alguma maneira parece que sabes sobre do que c*ralho estás a falar.

3. Nunca parecerás grávida da maneira que pareces depois da cerveja.

4. Faz te sentir sexy – mesmo que os teus dentes estejam mesmo roxos.

5. Faz tudo melhor – com a quantidade certa de vinho, todos os problemas de relacionamento não parecerão tão mais – nem sequer estás chateada.

6. Tecnicamente é fruta.

7. Nunca vai cancelar contigo. O vinho é estável e confiável dessa maneira. Não tens de preocupar com o drama ou stresse de alguém – com um copo de vinho do teu lado tudo estará bem.

8. É sempre delicioso. A única maneira de estragar vinho é por não encher o copo.

9. Porque tu podes beber um ou dois copos de vinho na tua pausa do almoço e ninguém notará a diferença. Na realidade, provavelmente terás melhor desempenho.

10. Podes bebê-lo em frente aos teus pais sem que eles pensem que és alcoólica. “Vês pai, não sou uma alcoólica, sou apenas… elegante.”

11. Não importa o que fazes, sentes te como se fosses a merda. Provavelmente pareces maluca mas nem sequer te importas.

12. É a melhor bebedeiras que alguma vez terás. E o melhor sono – confortar-te-à até que adormeças no teu sono mais confortável de sempre.

13. Ele não julgará o teu chorar feio. O vinho não se importa.

14. Na verdade, não há como desligares os teus sentimentos com vinho. É perfeito para celebrares aquela excitante promoção, ou se precisares de uma terapia de choro. O vinho não te julga.

Texto original de Coffeebreak protegido por copyright. Qualquer reprodução é expressamente proibida, mesmo citando a fonte.

Continue Reading

Mais Populares